Quais as diferenças entre os processadores AMD e Intel?

images

O processador é um dos principais componentes de um computador, e a escolha dele é fundamental para que a máquina atenta às necessidades do consumidor. Mas qual deles é o melhor: AMD ou Intel? Quais são as diferenças entre uma marca e outra? Confira um resumo comparativo entre suas características.

amd-ou-intel

Desempenho

A começar pelo desempenho. Os processadores da Intel levam vantagem na batalha com a AMD neste quesito. Testes realizados por sites especializados, como o CPU Benchmark, indicam que, entre os processadores de alto desempenho, os 30 melhores são Intel e apenas depois deles é que aparece o primeiro AMD na classificação, seguido de mais outros 13 da Intel até aparecer o segundo AMD.

Entre os modelos mais econômicos, porém, a briga é muito mais acirrada – e é vencida pela AMD, que possui seis dos 10 principais, e 14 dos 20 mais recomendados pelo site. Somente estes dois dados já mostram, basicamente, uma diferença crucial entre estas empresas: os produtos da AMD parecem mais voltados para o público mais básico e os da Intel são mais avançados.

Atualmente, a campeã em desempenho é a linha de processadores Xeon, da Intel. Até 40% mais eficiente no consumo de energia e com performance até 35% maior do que seus antecessores. Segundo o CPU Benchmark, o Intel Xeon E5-2697 v2 de 2,7 GHz pode ser considerado o melhor processador do momento. Ele tem 12 núcleos, soquete FCLGA2011 e chega a uma velocidade turbo de 3,5 GHz.

É perfeito para rodar qualquer tipo de conteúdo e tem quase o dobro do número de pontos do principal modelo da AMD no teste do site. O AMD FX-8350, de oito núcleos, possui um clock de 4 a 4,2 GHz e soquete AM3+, mas ainda está atrás de uma grande lista de chips fabricados pela Intel, como Intel Core i7-3770, i7-3770K, i7-4770, i7-4770K, i7-3930K e i7-4930K, por exemplo.

Custo-benefício

Se por um lado a Intel orgulha-se de ter os processadores mais rápidos, a AMD tem duas vantagens: as placas gráficas ATI Radeon, que costumam ser melhores do que todas as onboard da Intel em níveis semelhantes, e, principalmente, o preço. Os processadores da empresa normalmente são bem mais baratos do que os equivalentes da Intel.

Atualmente, a maioria dos aparelhos vêm de fábrica com processadores Intel, porém um AMD não é difícil de encontrar, especialmente em produtos HP e Asus, das linhas com o hardware de intermediário para básico. Obviamente, é possível montar modelos top com processadores avançados da AMD, mas o melhor dela é a área intermediária e barata.

O Phenom II X6 e o AMD FX-6200 Six-Core, por exemplo, são equivalentes a alguns i5 e i7 da Intel, mas têm preços mais em conta. A AMD tem ainda a vantagem de ser grande parceira de NVIDIA e IBM. Produtos com processadores AMD de alto nível costumam ter placas GeForce de alta qualidade e tecnologia de 90 nm para consumir menos energia.

Por isso, para o usuário do dia a dia ou para aquele que gosta de jogar os games mais avançados, o custo-benefício da AMD parece mais interessante. Afinal, nas linhas que são mais acessíveis para o público em geral, ela tem desempenho igual ou até melhor comparada à Intel, e apresenta preços normalmente mais baixos.

Futuro: o que vem por aí

Este foco de “mais por menos” da AMD deve ser mantido em 2014. A empresa já deu detalhes da Mantle, sua nova API gráfica que promete grandes melhorias voltadas pro consumidor econômico e intermediário, e do chip Kaveri, mais econômico, menor e o mais interessante de tudo: mesmo assim, mais potente.

A Intel, por sua vez, anunciou um nova série de processadores 64-bit e também o seu primeiro chip octa-core com suporte a memória DDR4. A empresa apresenta um foco grande em um trabalho para dispositivos portáteis e também em alto desempenho nos computadores.

Conclusão

Não há tantas diferenças entre comprar um processador Intel e um AMD em termos de compatibilidade, funcionamento e desempenho do computador para um usuário básico, cujas tarefas são apenas navegar na web, checar e-mails, usar o Pacote Office e jogar um game ou outro.

Se este é o seu perfil, basta apenas pesquisar os processadores equivalentes de cada marca e pesquisar qual tem o melhor custo-benefício – ponto em que, normalmente, os AMD levam vantagem. Mas para quem pretende ter o mais avançado possível, com um hardware super potente para tarefas pesadas, o pensamento deve ser outro.

Os produtos da Intel, especialmente da linha Xeon, são os grandes protagonistas deste mercado no momento. Pelo menos até a linha Kaveri da AMD chegar ao mercado. Mas no geral, eles devem ter, basicamente, o desempenho semelhante. Sendo assim, além deles, o que fará diferença é mesmo o conjunto de outras especificações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

XHTML: You can use these tags <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>